Benefícios do Caldo de Cana para a saúde

O caldo de cana ou garapa, como é conhecida em algumas regiões do país, consiste no líquido extraído do processo de moagem da cana-de-açúcar.

Embora a cana-de-açúcar seja farta no Brasil, ela faz parte do dia a dia de poucas pessoas. Acredita-se que isso aconteça porque a bebida é rica em açúcar e, concomitantemente, em nutrientes e benefícios.

Ainda que haja açúcar no caldo de cana, as calorias não se comparam com o açúcar refinado, que é desprovido de nutrientes e minerais.

Benefícios do caldo de cana

Observe a seguir alguns benefícios do caldo de cana:

1. Fornece energia para os músculos

Como o caldo de cana possui uma quantidade significativa de glicose, ela é adequada após um treino na academia, pois auxilia na hidratação.

2. Auxilia no tratamento de infecções urinárias

O caldo de cana é diurético, logo, ele é sugerido para pessoas que sofrem de infecção urinária ou pedra nos rins.

3. Ajuda no tratamento de prisão de ventre

O caldo de cana funciona como um laxante. Sendo assim, uma vez que ingerido de maneira adequada, pode auxiliar na prisão de ventre e cólicas intestinais.

4. Retarda o envelhecimento

O caldo de cana, bem como outros alimentos oriundos da cana-de-açúcar, contém ação antioxidante. Dessa forma, ocorre uma redução da ação de radicais livres, que, por sua vez, acelera o desgaste celular do corpo.

5. Age como detox

O caldo de cana pode funcionar como um suco detox no organismo. Isso acontece devido à capacidade de eliminar as impurezas do corpo, além de acelerar o metabolismo.

Propriedades do caldo de cana

Observe a seguir as propriedades do caldo de cana:

1. Possui ação antioxidante;

2. Estimula o sistema imunológico;

3. Contém ação antitrombótica;

4. Auxilia na recuperação energética; e

5. Melhora o processo inflamatório.

Faz-se importante destacar que é fundamental ter alguns cuidados com a higiene no que se tange à extração e conservação do caldo de cana. A bebida estraga muito rápido, sobretudo se ficar exposta à temperatura ambiente. Além disso, como é uma bebida doce, atrai moscas. Sendo assim, procure mantê-la refrigerada e protegida.

Nutrientes do caldo de cana

Uma vez que a cana-de-açúcar passe pelo processo de moagem, obtemos o caldo de cana. Vale mencionar que esse processo pode ser tanto manual quanto elétrico.

Observe a seguir os nutrientes contidos no caldo de cana:

1. Ácidos graxos;

2. Proteína;

3. Sacarose;

4. Glicose;

5. Frutose;

6. Amido;

7. Vitamina C;

8. Vitamina A; e

9. Minerais (potássio, magnésio, fósforo, dentre outros.)

Como fazer caldo de cana

Para fazer o caldo de cana, o primeiro passo consiste em obter um moedor de cana. É sabido que algumas pessoas tentam fazer isso com o auxílio do liquidificador, mas o prejuízo pode ser incalculável. Isso acontece porque a cana-de-açúcar possui fibras muito resistentes. Dessa forma, o liquidificador, ainda que industrial, não tem força para triturar. Em contrapartida, o moedor possui força suficiente para moer e retirar todo o caldo.

Cabe mencionar que algumas pessoas, quando não conseguem encontrar o moedor de cana, optam por utilizar o moedor de massa. Ainda que seja útil, pode ser um processo árduo e trabalhoso.

Nesse sentido, sugere-se que um moedor seja adquirido a fim de atender ao maior número de pessoas possível. O valor de um moedor de cana pode variar entre R$ 600,00 e R$ 3.000,00. A marca e a tecnologia são determinantes no ato da compra. Ademais, algumas pessoas, quando estão iniciando um empreendimento, preferem comprar usado e isso pode diminuir os gastos consideravelmente.

A preocupação deverá consistir na condição higiênica do moedor e se está em perfeito funcionamento.

As possibilidades de oferecer caldo de cana são amplas, que pode incluir barracas, lanchonetes e mercados municipais. Caso queira incrementar, é possível fazer combinações com frutas, como maracujá ou abacaxi, por exemplo. Há ainda a possibilidade de misturar com couve, limão e gengibre.

Em algumas cidades do Brasil, o caldo de cana pode ser oferecido junto com o pastel.

Caldo de cana engorda

Inicialmente, é importante mencionar que o caldo de cana é visto como um alimento energético que possui um índice glicêmico considerável. Dessa forma, atletas ingerem o caldo de cana como repositor de energia ou durante períodos de competição.

O objetivo principal consiste em restituir os estoques de glicogênio hepático e muscular. Com isso, haverá uma diminuição da fadiga muscular e agilidade na recuperação dos tecidos.

No que tange ao ganho de peso, como qualquer outro alimento, se consumido isoladamente, o caldo de cana não engorda. Entretanto, é fundamental ressaltar que possui alto conteúdo energético devido à presença de açúcar.

Sendo assim, sugere-se o consumo de uma porção ao dia (150 ml), que pode equivaler a 123 kcal.

Caldo de cana faz mal

Há relatos de pessoas que sofreram de intoxicação alimentar devido ao caldo de cana. Na maioria dos casos, isso acontece em razão das péssimas condições de higiene do local em que a cana-de-açúcar é processada e se ela foi previamente higienizada. Além disso, o armazenamento também requer cuidados. Todos esses fatores devem ser levados em consideração antes de comprar o caldo de cana para se refrescar.

Malefícios do caldo de cana

No que tange aos malefícios do caldo de cana, as gestantes devem tomar o máximo de cuidado antes de consumir essa bebida. Tendo em vista que não há como assegurar a assepsia do local e/ou armazenamento da cana-de-açúcar, possíveis contaminações podem ser prejudiciais ao bebê.

Muitos pediatras aconselham que essa bebida não seja ingerida durante o período gestacional visando a saúde do feto e a diabete gestacional, muito comum em gestantes.

Crianças devem evitar tomar essa bebida antes de dormir para que não urine na cama.

Pessoas que têm problemas de hemorroidas não devem ingerir essa bebida, visto que isso poderia agravar a situação.

Quanto às pessoas diabéticas, elas precisam controlar a alimentação, sobretudo quando inclui o caldo de cana. Embora o açúcar presente seja natural, possui uma concentração muito alta de sacarose, glicose e frutose. Com isso, a glicemia pode aumentar rapidamente e ocasionar crises. Posto isso, o consumo dessa bebida por diabéticos deve ser controlado, pois um copo de 150 ml equivale a 30 gramas de açúcar.

Pesquisas apontam que o consumo equilibrado de caldo de cana pode fortalecer o sistema imunológico, além de agilizar o processo de melhora de inflamações. Adicionalmente, como é um alimento energético, pode ser consumido por pessoas que estejam resfriadas.