Benefícios do Amido de Milho para a saúde

Popularmente conhecido como maisena, o amido de milho é uma farinha proveniente do milho. Em sua composição, encontramos nutrientes em pequenas quantidades e muitos carboidratos e calorias.

Muito presente na indústria alimentícia, o amido de milho é responsável por melhorar características sensoriais de diversos alimentos, como carnes, bolos e até mesmo balas e outros confeitos. Também pode ser útil no nosso dia a dia para a produção caseira de alimentos, como o famoso mingau, e em processos de limpeza.

Benefícios do amido de milho

Por ser rico em carboidratos e calorias, o amido de milho é uma ótima fonte de energia para nós. A cada 100 gramas de amido, cerca de 91 são de carboidrato.

Nesta mesma quantidade do produto, encontramos e o equivalente a 381 kcal; ou seja, uma pequena quantidade de amido de milho pode gerar muita energia para o nosso corpo.

O amido de milho também é uma ótima opção para celíacos, pois é livre de glúten. É importante ressaltarmos que o glúten só possui malefícios para pessoas com esta doença, caso contrário, ele pode ser ingerido normalmente.

Propriedades do amido de milho

O amido de milho usado pela indústria alimentícia e de limpeza é uma versão modificada do amido de milho nativo. Logo, suas propriedades, como a capacidade de dar viscosidade e maciez aos alimentos, são dadas a estas modificações, que fazem do amido de milho um produto muito útil para seus consumidores.

Nutrientes do amido de milho

O principal nutriente presente no amido de milho é o carboidrato, responsável por ajudar o nosso corpo a gerar energia. Outros nutrientes, como proteínas e lipídios, não estão presentes em sua composição. Logo, o amido de milho pode ser considerado uma ótima opção para complementar alimentos quando estamos cansados e precisando de energia.

Função do amido de milho

Dentre as suas funções do amido de milho, estão:

  1. A remoção de manchas de óleo. Ao entrarem em contato com o amido de milho por cerca de 20 minutos, as manchas de óleo em carpetes e superfícies de couro podem ser removidas facilmente.
  2. A limpeza de livros antigos.  Aplicar o amido de milho em livros por algumas horas pode ser eficiente contra o mau cheiro causado pelo bolor presente em livros mais antigos.
  3. A limpeza de objetos de prata. Seja em anéis, colares ou até mesmo talheres, a mistura de um pouco de amido de milho com água pode ser efetiva para uma boa limpeza da prataria.
  4. A de substituir as tintas usadas pelas crianças. Ao ser combinado com corantes e um pouco de água, o amido de milho serve também como tinta, podendo ser usado para divertir os pequenos.
  5. A de atenuar o som do chão rangendo. Quando colocado nas frestas do piso, o amido pode diminuir os barulhos produzidos.
  6. A limpeza de vidros. Quando misturado a outros produtos para limpeza, o amido pode auxiliar na limpeza dos vidros das janelas.
  7. A de atenuar o mau cheiro dos sapatos. Na falta do famoso talco, podemos aplicar o amido de milho nos calçados. Dentro de algumas horas já poderemos sentir o efeito.
  8. A de perfumar roupas. Ao adicionarmos vinagre, água quente e alguns óleos essenciais ao amido, temos uma ótima opção para deixar as roupas com um cheiro bom.

Há também a suposição de que o amido de milho seja eficiente em queimaduras, picadas de mosquito e para o tratamento de cabelos oleosos, entretanto, até o momento, não existem comprovações quanto a estas propriedades.

Para que serve o amido de milho

Devido às suas características químicas, o amido de milho é utilizado em diversas áreas da indústria, como a têxtil, petrolífera, química, papeleira, farmacêutica, de consumo e como principal, a alimentícia.  

Na produção de alimentos, o amido de milho é utilizado das seguintes formas:

  • Confere estabilidade aos produtos do setor de bebidas.
  • Melhora a textura dos alimentos do setor lácteo como os queijos processados, as sobremesas em pó e os iogurtes.
  • Na parte de confeitos, o amido auxilia na fabricação de balas de goma e é responsável pela textura única que este produto possui.
  • É usado para aumentar o tempo de vida de produtos do setor de fabricação de bolos.
  • Aumenta a suculência, a maciez e o rendimento de produtos cárneos.
  • Confere crocância, viscosidade e redução da absorção de óleo nos sistemas de empanamento.

Vitaminas do amido de milho

Quanto às vitaminas presentes no amido de milho, temos:

1. Potássio;

2. Sódio;

3. Vitamina P;

4. Cálcio;

5. Ferro;

6. Magnésio;

7. Cobre;

8. Zinco;

9. Selênio;

10. Manganês.

Entretanto, é importante ressaltar que algumas destas vitaminas estão presentes em baixas quantidades no amido de milho, não possuindo grandes efeitos sob o nosso corpo. As vitaminas de maior quantidade no amido de milho são: A rutina (mais conhecida como vitamina P), o sódio, o fósforo e o magnésio.

Malefícios do amido de milho

O amido de milho não gera nenhum malefício para a nossa saúde. Entretanto, devemos nos ater ao fato de que nenhum alimento em excesso faz bem para o nosso organismo, procurando comer um pouco de tudo.