Benefícios do Trigo Sarraceno para a saúde

Apesar do nome, o trigo sarraceno (Fagopyrum esculentum) não é um trigo. Também chamado de trigo mourisco, trigo mouro e trigo preto, ele na verdade é um pseudo-cereal. A origem do trigo sarraceno é russa. Acredita-se que a região do Lago Baikal, entre o sul da Sibéria e da Rússia tenha sido a primeira área cultivada.

No século X chegou a China e três séculos mais tarde já era forte na agricultura local. Desembarcou nos Estados Unidos no século XVII pelas mãos dos holandeses. O trigo mourisco chegou ao Brasil na década de 1940, trazido pelos ucranianos.

O trigo sarraceno é cultivado na Rússia, Polônia, China, Estados Unidos, França e Canadá. O Japão também produz, especialmente nas cidades de Nagano e Hokkaido. Ainda assim, os japoneses importam da China, Estados Unidos e Canadá. No Brasil ele é plantado na região Sul, mais precisamente no Paraná. Espécie de fácil cultivo, adapta-se a solos pobres e com acidez, além de aproveitar adubação anterior Alternativa para o período pós-milho tem ciclo é inferior a 100 dias.

Propriedades do trigo sarraceno

Elas foram descobertas na década de 1970. Para começar, trigo sarraceno tem mais fibras que a aveia. Além disso, é fonte de proteína, carboidrato, manganês, ferro, vitamina A, vitaminas do complexo B, vitamina P, selênio, magnésio e zinco. O sabor amargo, acentuado após a torra e a moagem tornam-no impopular. É muito usado na produção de cervejas sem glúten e como ração animal.

O gosto forte não é empecilho para europeus, japoneses e americanos. Na Rússia, os pratos mais comuns são o mingau e a mistura com cogumelos, servida como acompanhamento de carnes, recheios de aves e até mesmo como prato principal. No Japão, o sarraceno é base de sopas e usado no preparo de macarrão. Nos Estados Unidos, o mingau também é apreciado. Ficou desanimado ao saber que é amargo? Você mudará de ideia após conhecer os benefícios do trigo sarraceno.

  • Glúten free

O trigo sarraceno não tem glúten. Por isso, é ótima opção para intolerantes ao glúten. Ele é opção para substituir cereais e leguminosas com glúten. Já a farinha de trigo mourisco é alternativa a farinhas de trigo.

  • Alimento importante na gravidez

O trigo sarraceno é boa fonte de vitamina B9 (ácido fólico). Tal nutriente é fundamental em todas as etapas da vida, principalmente na gravidez. A vitamina B9 atua na formação da coluna e sistema nervoso dos bebês. Porém, o consumo deve ser realizado somente com orientação do obstetra.

  • Preserva a saúde cardíaca

O trigo mourisco tem cobre, magnésio, manganês e fibras, nutrientes essenciais ao órgão. O magnésio ajuda a equilibrar a pressão. O alimento ainda tem o antioxidante rutina, responsável por evitar o surgimento de coágulos sanguíneos e regular pressão. Diabéticos beneficiam-se por conta da presença da substância D-chiro-inositol, associado à produção de insulina. Outro benefício é baixar o colesterol ruim (LDL) e aumentar o bom (HDL). Para as mulheres na pós-menopausa, o consumo de trigo sarraceno 6 vezes por semana evita doenças cardiovasculares.

  • Excelente para vegetarianos

As proteínas formam-se pela união dos aminoácidos. O trigo mourisco tem doze aminoácidos. Isso faz dele um alimento rico em proteínas. Tais nutrientes produzem energia, formam e definem músculos. O mourisco é uma das maiores fontes de proteína vegetal. Por isso, o trigo sarraceno deve estar no cardápio de vegetarianos e veganos.

  • Ajuda a combater a depressão

O magnésio, o cálcio, o selênio, as vitaminas do complexo B e o triptofano atuam no combate à depressão. Quem está nessa situação tem no trigo sarraceno um aliado no tratamento da depressão.

  • Previne vários tipos de câncer

O trigo sarraceno é grande fonte de antioxidantes. Esses componentes promovem renovação celular, expulsando células ligadas ao surgimento do câncer. Os polifenólicos são um exemplo de antioxidante.

Para as mulheres, o consumo desse trigo é importantíssimo na menopausa. As liganas também pertencem a essa categoria e ajudam na produção de estrogênio. Este hormônio cai drasticamente durante a menopausa e a ausência está relacionada ao câncer de mama. O trigo sarraceno previne cânceres relacionados a hormônios.

  • Fortalece os ossos

O manganês facilita a absorção de cálcio. Os dois nutrientes são importantes para a formação e manutenção de ossos e dentes. O trigo sarraceno ajuda a prevenir a osteoporose. Ele deve ser consumido, principalmente por mulheres na menopausa, porque o enfraquecimento ósseo é comum antes e durante o período.

  • Melhora o funcionamento intestinal

As fibras do trigo mourisco estimulam o desenvolvimento de bactérias boas. Elas também hidratam o intestino, facilitando a saída das fezes. Os benefícios tornam-se mais evidentes quando o alimento é fermentado para produção de massas. Então, que tal incluir o saboroso pão de trigo sarraceno no cardápio?

  • Dá beleza a pele e cabelos

O magnésio, assim como o cálcio, estimula a produção de colágeno. Esta proteína atua na manutenção de pele e cabelos. Já as vitaminas A e do complexo B, além do zinco, promovem o crescimento capilar. Portanto, trigo sarraceno para pele e cabelos saudáveis.

  • Ajuda a emagrecer

As fibras ficam mais tempo no organismo, por isso, prolongam a saciedade. Incluir o trigo sarraceno em saladas é boa pedida para quem precisa emagrecer.

Como preparar o trigo sarraceno?

Deixe o trigo mourisco de molho com 3 vezes mais água à noite inteira, ou por 6 horas. Coloque as sementes na peneira, abra a torneira e mexa as sementes para tirar a viscosidade. Esse processo remove um pouco do ácido fítico, substância que atrapalha a absorção do ferro, cálcio, magnésio e zinco. Para cozinhar o trigo sarraceno, adicione duas partes de água e deixe ferver com a panela destampada. Após a fervura, abaixe o fogo, tampe e cozinhe por 30 minutos.

Receitas com trigo sarraceno

O alimento é versátil. As receitas com farinha de trigo sarraceno ficam mais saudáveis. As sementes cozidas podem ser incluídas nas saladas, sopas ou consumidas com frutas, iogurte e oleaginosas (nozes, castanhas). Você ainda pode fazer um delicioso mingau para o café da manhã. Confira essas 5 receitas com trigo sarraceno para sua vida ganhar mais sabor.

Pão de trigo sarraceno

Ingredientes

  • 100 gramas de trigo sarraceno;
  • 50 gramas de farinha de trigo integral;
  • 350 gramas de farinha de trigo;
  • 1 sachê de fermento seco;
  • ½ colher de chá de sal;
  • 300 ml de água.

Modo de preparo

Misture bem todos os ingredientes. Coloque-os em uma superfície lisa e enfarinhada e sove. Transfira para uma forma de pão ou modele como desejar. Asse em forno preaquecido por 25 minutos.

Macarrão de trigo sarraceno

Ingredientes

  • 800 gramas de trigo sarraceno;
  • 200 gramas de farinha de trigo;
  • 500 ml de água quente.

Modo de preparo

Peneire as farinhas e misture até integrar todas. Coloque a massa em uma superfície lisa e enfarinhada e sove até ficar lisa, macia e homogênea, algo em torno de 30 minutos. Movimente a massa em várias direções para tirar o ar. Quando a massa estiver aveludada, modele em formato de bola e abra com rolo de macarrão. Quando estiver fina, dobre ao meio e divida em duas porções. Coloque uma porção em uma tábua de carne enfarinhada. Corte tirar finas de 1 mm. Polvilhe farinha nas tiras para não grudarem. Cozinhe em água quente por 50 minutos, passe na peneira e deixe cair água para resfriar.

Tabule de trigo sarraceno

Ingredientes

  • 16 colheres de sopa de trigo sarraceno;
  • 3 cebolinhas;
  • 1 cenoura pequena picada;
  • 2 tomates picados;
  • ½ pepino picado;
  • 2 dentes de alho amassados;
  • 2 colheres de sopa de azeite extravirgem;
  • 8 colheres de sopa de suco de limão;
  • 1 litro de caldo de legumes;
  • Salsinha, pimenta e sal a gosto.

Modo de preparo

Cozinhe o trigo sarraceno com o caldo de legumes até o líquido secar. Pique as ervas, corte os legumes em cubos, coloque em um recipiente grande e reserve. Tire a água do trigo sarraceno e junte aos legumes. Adicione pimenta, sal, azeite e o suco de limão. Deixe o tabule descansar por uns 30 minutos para incorporar os temperos e sirva.

Waffle/panqueca de aveia com trigo sarraceno

Ingredientes

  • 32 colheres de trigo sarraceno;
  • 8 colheres de sopa de aveia;
  • 2 colheres de sopa de linhaça;
  • 1 banana madura;
  • Estévia a gosto;
  • 32 colheres de sopa de água;
  • 2 colheres de chá de fermento em pó.

Modo de preparo

Amasse a banana com garfo. Adicione a aveia, a linhaça, o trigo e o fermento e misture com uma colher. Coloque o trigo sarraceno em um copo de água. Junte a massa e acrescente a estévia. Misture até incorporar tudo. Quando a massa ficar homogênea, coloque na máquina de waffle. Caso preferir, coloque na frigideira para fazer como panqueca. Sirva com recheios salgados ou doces.

Bolo de limão com trigo sarraceno

Ingredientes

  • 50 gramas de farinha de trigo sarraceno;
  • 120 gramas de farinha de amêndoas;
  • 100 gramas de açúcar demerara;
  • 1 colher de chá de essência de baunilha;
  • 2/3 colheres de sopa de amêndoas em lascas;
  • Suco de ½ limão;
  • Raspas de 1 limão;
  • 1 colher de café de fermento em pó;
  • 1 pitada de sal;
  • 3 ovos;
  • 100 gramas de manteiga derretida.

Modo de preparo

Pré-aqueça o forno a temperatura média. Unte uma forma de bolo ou de pão, ou então forre com papel vegetal. Bata a manteiga, as raspas de limão e o açúcar na batedeira até formar um creme. Adicione os ovos e a baunilha e bata mais um pouco. Coloque o suco de limão e misture bem. Peneire as farinhas, o fermento e o açúcar e junte o leite. Transfira para a forma e asse por 30 minutos.

O sabor amargo não é nada perto dos benefícios. Para quem se pergunta onde comprar trigo sarraceno, é só procurar nas lojas de produtos naturais físicas e online.